Pulga

Pulga
Ordem: Siphonaptera
Família: Pulicidae
Nome vulgar: Pulga


Foto: Edna Clara Tucci

BIOLOGIA
Tamanho 5mm
Coloração Marrom escura a enegrecida
Postura 500 a 600 ovos
Reprodução Ovípara
Alimentação Sangue de mamíferos. São ectoparasitas de animais silvestres, domésticos e do homem

ESPÉCIES

Existem cerca de 2.200 diferentes espécies e subespécies distribuidas por todo planeta (exceto Antártida). Citamos aqui as principais:

Pulex 
- No mundo 6 espécies, no Brasil 1 espécie P. irritans
-
Pulga do homem
-
Pode sugar outros hospedeiros, como suínos, cães e gatos, raramente no rato.

Ctenocephalides  
No mundo 12 espécies,  no Brasil 2 espécies C. canis e C. felis felis
Ctenocephalides canis
-
Pulga do cão e do gato
- Pode picar o homem e outros animais.

Ctenocephalides felis felis
- Pulga do cão e do gato
- Atacam ao homem e a uma série de outros animais: caprinos, bovinos, ovinos, suínos, etc.

Xenopsylla
- No mundo 77 espécies, no Brasil 2 espécies Xenopsylla cheopis e Xenopsylla brasiliensis

Xenopsylla cheopis
- Pulga do rato urbano
- Principal vetor da peste bubônica e do tifo murino
- Podem picar o homem

Xenopsylla brasiliensis
- Pulga de roedores
- Mais freqüente na área rural
- Excelente vetor da peste bubônica

PREVENÇÃO

- Manter sempre limpo o local onde seu animal dorme, removendo e lavando todos os objetos (panos, cobertores, etc.) uma vez por semana.
- Em ambientes com piso de tacos ou tábuas, todos os vãos existentes devem ser calafetados, uma vez que podem servir de abrigo para pulgas no ambiente.
- Tapetes carpetes e capachos devem ser aspirados para a remoção dos ovos, larvas, casulos e adultos de pulgas.
- As casas devem ser limpas pelo menos uma vez por semana, com o auxílio de um aspirador de pó. IMPORTANTE: Descarte o filtro do aspirador após a limpeza, pois as larvas das pulgas podem eclodir dos ovos coletados pelo aspirador ou pulgas adultas podem emergir de suas pupas e re-infestar o ambiente.
- Pode a grama e faça a limpeza periódica de quintais e jardins para evitar ambientes úmidos e adequados para o desenvolvimento das larvas.
- Faça o controle de roedores no terreno da residência, pois estes são hospedeiros de pulgas que transmitem doenças.

DOENÇAS TRANSMITIDAS E PATÓGENOS VEICULADOS:

- Peste Bubônica
- Dermatite Alérgica
- Tularemia
- Salmonelose
- Viroses
- Bactérias

Veja mais sobre as doenças clicando aqui

MÉTODOS DE CONTROLE

- O controle da pulga em casa começa com o tratamento do animal, tratando-se então a casa e os locais onde vive e circula o animal. Ambas as etapas têm que ser executadas e têm que ser feitas juntas, ou ao menos o animal de estimação deve ser tratado primeiramente.

Para o animal de estimação há alguns produtos muito eficazes no controle de pulga. O animal de estimação ou os animais de estimação devem ser tratados primeiramente antes que você possa livrar a casa das pulgas.

Mantenha a casa limpa e aspirada. Aspirar o tapete pode somente ajudar remover os ovos que as pulgas no animal de estimação deixaram cair, e talvez algumas larvas.

O controle efetivo se fará através da lavagem dos tapetes, visto que as larvas e adultos de pulgas se afogam facilmente ou ainda, através da aplicação de inseticidas indicados para o controle de pulgas.

Para controlar a presença de pulgas na área externa da casa (quintal e gramados) você poderá pulverizar inseticidas ou simplesmente molhá-la bem, já que as larvas da pulga são afogadas facilmente.

PRODUTOS PARA CONTROLE

- K-OTHRINE PÓ - BAYER ENVIRONMENTAL SCIENCE
 

 


Copyright © 2002 SPCA Brasil. Todos os direitos reservados.
O uso das informações contidas neste site estão sujeitas aos
Termos de Uso e Limitações.
Comentários e Sugestões: webmaster@pragas.com.br.